quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Fotografia para uma ilha deserta

Sou capaz de ficar que tempos a olhar para um quadro de Vieira, de Klee, de Turner, de Nadir. Mas também para fotografias, mesmo anónimas. Apanhei esta maravilha na Net; se descobrir quem a fez, comunico. Volto a ela tantas vezes...
(local: Stavanger, Noruega )

Casa da Música - Escolhas 2009


Questão de gosto, claro, e de opções ponderadas, aqui vai a minha sugestão de concertos na CM para este ano:

22 de Maio - Sequeira Costa, ONP/Barshai - Mozart, concerto pn nº9 / Brahms, concerto pn nº 2
31 de Maio - ONP,Joana Carneiro, coro FLUP - Haydn, A Criação
28 de Outubro - M. João Pires, pn/P. Gomziakov,vc - obras de Beethoven
7 de Novembro - Andreas Staier, pnf/OBCM - Haydn, concertos nº 3 e 4 + Yves Abel, ONP - Haydn, sinf. 102
14 de Novembro - Academy of Ancient Music, Carolyn Sampson - obras de Purcell
15 de Novembro - Akademie f+ur Alte Musik Berlin - obras de Haendel e Purcell
5 de Dezembro - C. König / ONP - Sinfonias de Haydn alternando com Arvo Pärt

outras escolhas não-tão-imprescindíveis:

11 de Março - Wayne Shorter Quartet ( bastante caro !)
14 de Maio - Real Filharmonía de Galicia/ T.Guschlbauer / S. Moon - Sinfonias e Àrias de Haydn
21 de Maio - Grigori Sokolov - obras de Beethoven ??? (a anunciar)
18 de Novembro - Orquestra Barroca da UE - Corelli, Muffat, Vivaldi, Haendel
28 de Novembro - Nelson Freire - ??? ( a anunciar)

É escusado dizer que alguns já estão esgotados.
Digo eu, ainda : programação pobrezinha, mas decente. Enfim, o Porto está fora dos circuitos...

Grande expectativa para o concerto da AAM com a soprano Carolyn Sampson, voz belíssima .

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Outras Escritas

http://outrasescritas.blogspot.com/
Uma surpresa excelente. Voto neste para "melhor blog de 2009". Garantida adicção...

Splenda l'alba in oriente

Splenda l'alba in Oriente,
cada il sole in occidente,
virtù sempre esalterò.
Sia la lingua più canora,
sia la cetra più sonora
oltre il ciel, oltre le stelle
le sue belle alte glorie innalzerò.

Quer a aurora se ilumine a oriente
Ou o sol caia a ocidente
Sempre exaltarei a Virtude.
Que o meu canto seja mais melodioso
E a minha lira mais sonora
Para além do céu, para além das estrelas
As suas belas e altas glórias exaltarei.


Ária de Händel



Simplesmente irresistível! Vivica Genaux impõe-se como uma das grandes vozes deste início de século.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Que extraordinária paragem de autocarro!











As pequenas comunidades fazem milagres. Como aliviar a espera, o atraso, o desconforto...tudo começou com o “tremendo espírito de comunidade e confiança” das gentes de Baltasound, na ilha de Unst, Shetlands (Escócia), que desde 1998 se uniram para dar côr e calor ao abrigo de autocarros. Desde a cor da pintura, que vai mudando quando é preciso, ao recheio – sofá, cortinados, TV, computador Amstrad (!!!!), telefone, bebidas (chá, claro, com bule e chávena) e snacks, livros, CD, floreiras à volta e até...2 hamsters ! Que pena não fazer exemplo ! E ainda dizem que o mundo está todo igual...Viva a diferença na ilha de Unst!











(clicar para ver maior)

E até tem site : http://www.unstbusshelter.shetland.co.uk/

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Haydn por Brendel

O génio criativo junta-se ao génio interpretativo. Dupla homenagem:

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Os cafés e as igrejas


Je partage (...) le sentiment que les cafés et les églises sont les endroits d'abandon et de refuge qui nous aident à affronter l'existence et où l'on croise le caractère sacré du monde.

Claudio Magris, Nouvel Observateur



"A Europa é feita de cafetarias, de cafés. Vão da cafetaria preferida de Pessoa, em Lisboa, aos cafés de Odessa frequentados pelos gangsters de Isaac Babel. Vão dos cafés de Copenhaga, onde Kierkegaard parava nas suas deambulações meditativas, aos balcões de Palermo.(...) Desenhe-se o mapa das cafetarias e obter-se-á uma das marcas essenciais da “ideia de Europa”.

George Steiner, A Ideia de Europa.

Café Republica

Gosto deste blog. Tem Steiner, tem Magris , o perfume do café e do jornal, conversa-se e vê-se o mundo passar:

http://caferepublica.blog.com/

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Ler e Reler: O passeio divino de Marco Aurélio


"Um Deus Passeando Pela Brisa da Tarde"

Mário de Carvalho


Um "Livro da minha vida" para décadas de releituras

Numa cidade romana da Lusitânia, ao tempo de Marco Aurélio, o magistrado supremo vive um shakespeareano “to be or not to be” simultâneamente actual e muito bem enquadrado historicamente, rodeado de sinais e personagens, costumes e instituições que resistem (uns) ou prenunciam (outros) uma viragem histórica, tudo brilhantemente narrado num português elegante e bonito cuja leitura é uma permanente delícia.

Três personagens magníficas – o duúmviro Lúcio , a esposa Mara e a cristã Iunia – observadas com detalhe e argúcia psicológica, dão vida intensa a uma trama onde a novidade do cristianismo se vai contrapondo cada vez mais ao agnosticismo e aos valores e costumes romanos. Lúcio é um filósofo humanista, que tende para a contenção e a tolerância, entre fascinado e agastado pela palavra e pela presença de Iunia.

Excelente a sequência do cerco mouro que precipita o final, em que um homem decente, preocupado e racional reconhece que não há poder contra a indiferença cívica, as superstições étnicas , o fanatismo moralista e a tentação da violência. Refrescante também a perspectiva sobre os cristãos como minoria pacificamente subversiva...

1995 - Grande Prémio APE
1996 - Prémio Pégaso de Literatura
1996 - Prémio Fernando Namora

Blogs: deixei de gostar de...

"Crítico" e "Abrupto": são blogs que vão empobrecendo e cada vez mais me causam urticária; uma grande pateada para ambos, que com a sua cegueira unidimensional e proselitismo apatetado deixaram de merecer atenção.

sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Efemérides 2009

Neste ano de maus presságios, terão lugar duas celebrações que me são gratas: a do genial compositor austríaco Joseph Haydn, e a do Ano Internacional da Astronomia;
Quanto a Haydn, autor de obras primas para a eternidade como as oratórias "A Criação" e "As Estações", eis uma apresentação do "Ano Haydn":



A aproveitar: os concertos da Casa da Música dedicados ao compositor, sobretudo os que não são estragados pela apresentação de obras menores de compositores modernos.
"A Criação", imperdível apesar da ONP, em Maio, concertos para piano e sinfonia 102 em Novembro, sinfonias em Dezembro alternando com o grande Arvo Part...
Irei acompanhando nova discografia e regressando às referências.
Site:
http://www.austria.info/haydn2009

Quanto à Astronomia 2009, que irei também acompanhando, eis o site:
http://www.astronomy2009.org/
português:
http://www.astronomia2009.org/

Ainda outra celebração importante: 2009 é também o Ano Darwin, para reacender a polémica e consolidar a base científica da teoria contra obscurantismos que também temos q.b. dentro de casa. Site:

http://www.ano-darwin-2009.org/