sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Estação belga no extremo Sul

A estação Princess Elisabeth, ao norte da Antártida.

Coordenadas 71° 57’ S, 23° 20’E

A estação belga Princesa Elisabeth foi inaugurada a 15 de Fevereiro de 2009.

É a primeira com "emissão zero", trabalhando totalmente a energias renováveis - solar e eólica. Constitui um modelo de estação para o futuro próximo, e marca o regresso da Bélgica à aventura polar.

Foi pré-fabricada e testada em Bruxelas, e depois transportada por barco até às terras da Raínha Maud, na Antártida. Construída em madeira e revestida a aço, a estrutura brilha ao sol com fulgor.

http://www.antarcticstation.org/

A estação, planeada e construída com especiais cuidados, oferece um inédito grau de conforto.

Utsteinen, aldeia de tendas

O sítio onde se localiza a estação era já povoado por um acampamento científico junto ao nunatak (*) de Utsteinen, numa pequena e plana zona de granito, que desponta da neve.

O pub local

A "Princesa Elisabeth" à luz do sol polar

http://homepages.ulb.ac.be/~fpattyn/belgianbase/welcome.html

(*) Nunatak é um pico exposto a descoberto num campo de neve ou gelo.

10 comentários :

Fernando Vasconcelos disse...

Muito interessante. Não fazia a mínima ideia que se faziam estações polares com este tipo de design.

Mário disse...

Também os alemães têm uma estação "futurista" que já publiquei aqui

Fernando Vasconcelos disse...

Estive agora a ler o texto que escreveu sobre a investigação e investimento em ciência, nem mais, nem mais.

Gi disse...

Arrrgghh aquelas cadeiras de plástico branco até na Antártida aparecem!

Mário disse...

Gi, reparou que na NOVA estação já não são cadeiras dessas? Aquilo foi algum exportador português que ganhou um concurso de preço baixo.;)

Gi disse...

Reparei sim, Mário. O pub é que precisa de ser remodelado ;-)

Fernando Vasconcelos disse...

Já percebi que estou perante especialistas de Design de interior :-). Caramba estamos no Polo Sul e numa estação Belga há que moderar as expectativas (pronto agora falou a minha costela francesa).

Fernando Vasconcelos disse...

Já percebi que estou perante especialistas de Design de interior :-). Caramba estamos no Polo Sul e numa estação Belga há que moderar as expectativas (pronto agora falou a minha costela francesa).

Mário disse...

:D
O "querido mudei a casa "é terrível, terrível...

Gi disse...

Fernando, :-D