sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Ainda a propósito da Islândia - Thingvellir

Só há um local onde a falha tectónica que atravessa o Atlántico é visível à superfície: Thingvellir , um enorme desfiladeiro na Islândia, entre a placa tectónica da Eurásia e a da América do Norte.

A dorsal meso-atlântica é divergente, ou seja, as duas placas afastam-se e no futuro a ilha será partida em duas com o Atlântico no meio!
Os dois continentes separam-se à velocidade de 2 m por século, de forma que a terra entre as placas se afunda aos poucos, cavando uma fenda ou vale em desfiladeiro:



Um dos mais belos locais da Islândia, o Parque Nacional de Thingvelliré também um marco na História do país e até...da Europa! Foi aí que se reuniu o primeiro Parlamento do mundo: os Vikings juntavam-se aqui anualmente desde o séc X, à volta de uma elevada formação rochosa, para criar leis novas e reformar as antigas.


O Alþingi ou Althing foi fundado cerca de 930 DC, e tinha lugar cada verão. Mais tarde funcionou também como tribunal até 1798. Mesmo depois da anexação da ilha pela Noruega, o Althing manteve sessões em Thingvellir até 1799. Acontecimentos cruciais da história da Islândia aì tiveram lugar - a adesão ao cristianismo em 1000 DC, a fundação da república da Islãndia em 1944.

O Rochedo da Lei de Þingvellir (séc XIX).

Desde 2004 o parque de Thingvellir pertence à lista do património mundial da UNESCO.

O Parque Nacional de Þingvellir

O seu território inclui a falha geológica, o local e os achados do Althing, cujo sítio arqueológico continua sob investigação. Inclui ainda o Lago Þingvallavatn, entidade única quanto à história geológica e ao ecossistema, e a queda de água Öxarárfoss do rio Öxarár , que alimenta o referido lago.

Lago Þingvallavatn


Igreja antiga onde o rio Öxarár desagua no lago.

A queda Öxarárfoss


2 comentários :

Gi disse...

Muito interessante e muito bonito, mas o primeiro Parlamento do mundo?
Se calhar tem razão, Mário, agora que penso nisso os antigos referendavam as leis, enquanto por exemplo o Senado Romano tinha apenas, em relação à legislação, carácter consultivo.

Mário disse...

Há vários concorrentes ao estatuto de "mais antigo parlamento do mundo", entendido como assembleia de homens livres onde se criavam e aprovavam leis. Há concorrentes das ilhas Faröe, da ilha de Man, da Índia.

A reivindicação Islandesa é a mais consensual, e foi aceite (senão ratificada) pela Unesco. Mas todos sabemos que nestas coisas há que descontar algum grau de nacionalismo. Um dos mais antigos, com certeza.