sábado, 25 de junho de 2011

Cintilações II

Hoje o mar estava lindo. Um lago, transparente, e a reflectir o sol em mil luzinhas que bailavam à superfície.

Trouxe-me à memória gratas recordações, as cintilações que o pintor assim retratou:


E já agora, alguém consegue identificar o autor ?

; )

8 comentários :

Gi disse...

Não tenho ideia nenhuma.

Mário disse...

ajuda:

os segmentos de recta são perpendiculares; prolongados, fariam apenas um tipo de figura geométrica.

:)

Gi disse...

Não chega.

Mário disse...

Estou a vingar-me em si do que me fizeram há tempos, desculpe, Gi ;)

Criou um estilo que começava por um "fundo branco, sobre o qual traçava uma grelha de traços a preto, horizontais e verticais." Mais tarde, "começou a pintar os espaços com as cores primárias."

Está fácil, fácil. Mais uma tentativa.

(não consigo ver as cintilações no mar sem me lembrar deste quadro!)

Gi disse...

Piet Mondrian, então?

Mário disse...

Yessssss!

Imaginário disse...

Aposentadoria assim, isso, sim! Passaste a ser modelo para mim. Navegar é mesmo só o que é preciso.
Abraço e parabéns pelo espaço.
Gilson, Goiânia, Brasil.

Mário disse...

Gilson,

obrigado, gostei muito de visitar o teu Imaginário também.

Quanto à aposentadoria, faz-se o que se pode, enquanto se pode. Para já, num movimento circular, Happiness runs". Felicidades para ti,

Mário