sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Força, força, companheiro Vasco

Chegou a altura de aqui se apoiar com entusiasmo o PREC ! Ou melhor, o PREC/NAO, Não ao Acordo Ortográfico :


Sob a liderança de V.G.M no C.C.B.,

Nem mais - um só - PORTÁTIL com A. O. !

3 comentários :

Paulo disse...

A minha palavra de verificação é untell, o que não podia vir mais a propósito. VGM desdiz o que manda a lei, num acto de rebeldia (ahahah), e PPC afirma que o AO está em vigor. Decidam-se! Por mim, gostava que houvesse mais actos de rebeldia, por exemplo na Gulbenkian, onde o AO também já foi adoptado. Porém, temo que tudo fique em águas de bacalhau e que acabem por não mexer nos correctores do CCB.

Gi disse...

Apoio sem qualquer dúvida.

Mário disse...

Paulo,

o que eu espero é que o vírus VGM seja muito activo e o contágio se espalhe depressinha...

e sim, o " acto de rebeldia" pode ter sido mais comodismo que outra coisa, mas há males que vêm por bem.

Enviar um comentário