quinta-feira, 5 de maio de 2016

Partida / Départ, segundo Rimbaud


Départ

Assez vu. La vision s’est rencontrée à tous les airs.
Assez eu. Rumeurs des villes, le soir, et au soleil, et toujours.
Assez connu. Les arrêts de la vie. – Ô Rumeurs et Visions !
Départ dans l’affection et le bruit neufs !

                   Arthur Rimbaud, Illuminations




Já vi que chegue. A visão reencontrou-se sob todos os céus.
Já tive que chegue. Rumores da cidade, ao anoitecer, e ao sol, e sempre.
Já soube que chegue. As paragens da vida. - Ó Rumores e Visões!
Partida entre afeição e ruído novos !



---------------------
Desgastada a ilusão, amaldiçoada a Partida, talvez a maior felicidade esteja no momento do Regresso. Na Abissínia, o poeta terá enriquecido, diz-se até que trouxe um tesouro feito de tráfico de armas e de escravos.

Ó Rumores, Ó Visões, nada como reencontrar as origens.


0 comentários :