sábado, 6 de agosto de 2011

Vai Agosto adiantado, e é isto

Poucas visitas, poucos blogs activos, uma tristeza. Será que este Verão, aliás cinzento e melancólico, traz o fim da blogosfera?

Quando eu ainda estava no activo, Agosto era o mês de estar em festa, praia, comezainas, estar com amigos, viagens... às vezes corria mal, é verdade. No Agosto passado estive em feliz pré-reforma, contente. Este Agosto parece o pior de sempre. Chato, chato, chato. E não é por falta de arejo (tenho passeado q.b.) , é porque tanta coisa à minha volta parece deprimida, doente, fenecida, incolor. Isto não é Verão.

Eu por cá hei-de ir publicando, nem que seja só para as paredes. Agosto, no Norte, sempre trouxe a célebre nortada, que varre tudo, enfuna as bandeiras, levanta a areia, assobia nas frinchas, faz voar guarda-sóis, despenteia, limpa as nuvens. Venha ela.

7 comentários :

Gi disse...

Não se percebe. Aqui o pessoal devia estar todo na praia (apesar da nortada incessante, está sol e calor), mas a ligação à rede está impossível de lenta e irregular.

Moura Aveirense disse...

Qual fim da blogosfera, qual quêeeeeeeeeeee! Agora anda toda a gente nos facebooks, é uma tristeza! Nós cá estaremos para "aguentar" a blogosfera, muito embora Agosto seja sempre um mês mais paradote...

Anime-se! :)

Mário disse...

Obrigado pelo "ânimo", Moura, talvez na colorida e alegre Aveiro me sentisse melhor.

Só que tenho este feeling de "fim de uma era". Um amigo meu crê com mais afinco na nova era que aí vem, eu não sou de crenças.

Já agora, coisa boa encontro sempre no seu blog: leituras, paixão dos livros, e o humor dos bonecos. Thanks :)

Paulo disse...

Claro. Está tudo de férias, não há vagar para blogar.

Mário disse...

Não me parece que estejam todos de férias, este ano. Tudo é atípico, este ano.

Mário disse...

Por exemplo: a minha antiga escola habitualmente FECHAVA para férias. Este ano, vai lá grande azáfama, e a caixa de correio institucional está repleta de mails novos, sempre a chegar...

Alberto Velez Grilo disse...

Mário

Eu não estou de férias, nunca tenho férias em Agosto. No entanto, confesso que o meu blogue também tem estado morno. De qualquer forma, vou lá partilhando umas óperas (récitas históricas essencialmente) que têm surgido recentemente no YouTube.

As visitas aos blogues, estão uma tristeza.
Continue a publicar, cá me terá como seu leitor assíduo, mesmo em Agosto.

Am abraço

Enviar um comentário