sexta-feira, 10 de maio de 2013

Rever Lawrence?

Foi sem dúvida um dos filmes da minha vida...

Agora, há gente a dizer que é académico, middle class, enfatuado e falso...

Nunca mais vi filme nenhum com aquele sentido imenso de espacialidade, aquele fôlego de aventura sem heróis de ficção, aquele jogo operático de interesses e protagonistas, nunca mais me emocionei assim com o estranho, o "alien", quase miragem no horizonte, que é o tuareg Omar Shariff aproximando-se com imensa lentidão numa sequência de suspense magnífico ( a banda sonora !) ; nem mais me arrepiei com a tragédia de uma amizade como quando o miúdo é engolido pelas areias movediças.

Imagens de culto.









Rever pode ser também perder para sempre a memória...

1 comentários :

Virginia disse...

Subscrevo.

Não o melhor, mas um dos melhores. Vi-o no ecran gigante do Monumental em Lisboa. Inesquecível.

Bom fim de semana

Enviar um comentário