terça-feira, 13 de abril de 2010

Gulodices

Viajar também é provar novas lambarices. Chegado a Zurique, morria se não ia à Sprüngli e à Péclard.
Nem falo de preços. é preciso abrir bem os cordões à bolsa. Mas os expositores são de arregalar os olhos e os menus também.

A Sprüngli (Banhofstrasse) é a mais famosa confeitaria e chocolataria suíça. Mandado vir um chá e um docinho, eis:

  mmmmmmm
( o chá, contudo decepcionou )

A Péclard é uma sala de chá requintada na cidade velha, com fabrico próprio, e com uma bem situada e sempre cheia esplanada. Mesma receita:

mil folhas de baunilha:
e uma especialidade de chocolate divinal:

Não bastassem os doces, também experimentei salgados na Sprungli; anunciavam vol-au-vents de vegetais com legumes em bechamel:

  Uuuui mas que coisa boa! Comia isto todos os dias. Inacreditável.
Para acabar, cafés servidos como deve ser: (pagos em conformidade: 3 € cada, em média)
Pronto, isto foram os excessos. Agora as moderações:
A "Haus Hiltl" foi o primeiro restaurante vegetariano na Europa (1898 !) . Já tinha boas referências à qualidade, variedade e bom preço da casa. Visitei uma, e duas, e três e quatro vezes ... o "buffet" a peso permite a cada um fazer um pratinho a seu gosto, e as escolhas são mais que muitas. Difícil é manter-se abaixo do 15 €/prato.


Mas o requinte é pedir pela carta do dia: os pratos vêm belamente arranjados e a surpreendente mistura de gostos é sempre gratificante.



E dormi sempre bem depois destes jantarinhos ! Recomendo: Hiltl, Sihlstrasse, Zurich.
www.hiltl.ch








4 comentários :

Paulo disse...

A nossa sorte é que ver não engorda, porque eu tenho estado a comer todas estas iguarias com os olhos.

Alberto Velez Grilo disse...

Vejo que o Mário se tratou muito bem na sua viagem. Digo isto porque para mim, comer bem, não é comer muito.

E já, agora, porque acho que os olhos também comem!

Gi disse...

Também me deliciei a comer com os olhos, como dizem o Paulo e o Alberto.
Confesse, Mário, quantas vezes é preciso percorrer a Banhofstrasse entre a estação e o lago para gastar as calorias ganhas nas paragens? :-)

Mário disse...

Em geral, depois das 15h, as calorias já estavam esgotadíssimas, o pequeno almoço ia longe, era com muita deficiência calórica que atacava as gulodices. E ficava sentado uns tempos a ver quem passa.

Esta também foi a minha estreia a fazer "macros" à mesa...

Enviar um comentário