terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Snegurochka

Depois do post sobre Chyskhaan, outra tradição russa desta estação do ano.

Snegurochka, a Rapariga da Neve, é uma personagem do folclore russo que nunca falta nas celebrações de ano novo. Tem origem em crenças pagãs eslavas.

Segundo a lenda, Ded Moroz, o Avô Gelo, e a também idosa Rainha das Neves, fizeram Snegurochka moldando a neve. Usaram duas safiras de azul profundo para os olhos, uma fita vermelha para os lábios, e deram vida a uma belíssima jovem. Vestiram-na com um manto branco, e na cabeça usa uma coroa de pérolas e pratas.

Mas quando o Sol volta e aquece a terra, Snegurochka entristece. Um dia foi com outras meninas apanhar flores nos bosques. Quando escureceu, elas acenderam uma fogueira e começaram a saltar sobre as chamas. Snegurochka também saltava, mas começou a derreter e transformou-se numa nuvem branca.

Snegurochka passou a ser mais conhecida no séc. XIX depois de o escritor russo Aleksandr Ostrovsky ter escrito a peça "Conto de Fadas da Primavera", baseada na lenda (*). Retrata a bela jovem como filha do pai Gelo e da Mãe Primavera. É imortal, mora na Floresta de Inverno do pai, mas sacrifica a imoratalidade à capacidade de sentir o amor como os humanos. Como sofre com a solidão, a mãe dá-lhe uma coroa de flores, que, transmitindo tristeza e prazer, vai aquecer o frio coração da filha. Contudo, mal esta se apaixona, deixa a floresta e derrete-se pela manhã quando o sol a toca e a transforma numa nuvem.

A imagem moderna de Snegurochka surge nas celebrações de ano novo em festas e representaçõoes teatrais para as crianças. As meninas vestem-se de Snegurochka. É a neta, companheira e ajudante de Ded Moroz na distribuição de prendas às crianças.

Nikolay Rimsky-Korsakov escreveu uma ópera baseada na peça de Ostrovsky :

Rimsky-Korsakov, "The Snow Maiden" - Snegurochka -Teatro "Ópera Nova", Moscovo

(*) Também Tchaikovsky escreveu música incidental para a peça Snegurochka de Ostrovsky.

0 comentários :