domingo, 2 de maio de 2010

Ran-tan-plan

Os meus heróis da BD

Até a sombra é mais esperta!

Nunca me interessei muito pelos super-heróis da BD, salvadores do mundo de vários tipos, modelos de moral e inteligência, mas ria a bom rir com os anti-heróis. O Ran-tan-plan era um dos meus favoritos: um cão particularmente destituído de inteligência mas que surpreendia em momentos cruciais. O desenho que Morris lhe deu é de um cómico irresistível. E confesso que ainda hoje muitas vezes me revejo nele nos meus momentos menos bem sucedidos...

Os cães são dos mais frequentes personagens de BD: a Lassie, o Rin-Tin-Tin, o Milou, o Idéfix, Cubitus. Mas nenhum deles tem a personalidade marcada e a comicidade do Ran-tan-plan. Trapalhão, dado a todo o tipo de acidentes e apaixonado por Joe Dalton (que lhe tem um ódio visceral), é o contraponto para o super-dotado cavalo Jolly Jumper. Mas quem se lembra do Jolly Jumper?

1 comentários :

Gi disse...

Eu lembro-me do Jolly Jumper! Que é bem mauzinho às vezes... Mas o Ran-tan-Plan é uma delícia e até eu, que detesto a estupidez, gosto imenso dele.

Enviar um comentário